Contato: 31 99722-8640 / 31 3482-8002
Rua Gustavo Pena 44, Sala 402 | Horto, BH
Blog da Lau

Preservação da fertilidade

Categoria: Blog, Gravidez, Reprodução Assistida | Assuntos: | Postado em: 10 de maio de 2017

Nossa sociedade vem mudando muito nos últimos anos. Os padrões antigos hoje não cabem mais. Quando falamos no papel das mulheres nessa nova sociedade, as mudanças são absurdas. Há poucos anos, as mulheres tinham poucos direitos, tinham um papel social muito bem definidos, estudavam pouco, trabalham em casa e o grande objetivo era tornar-se mãe.

Hoje, as mulheres alcançaram um papel de maior importância, são fundamentais no mercado de trabalho, ocupam cargos em todas as profissões e são necessárias para o sustento das famílias.

Muitas vezes, essa mudança no papel social da mulher, faz com que o sonho de ser mãe seja adiado. Esse adiamento pode ser perigoso porque, como já falamos outras vezes aqui no blog, os óvulos envelhecem junto com as mulheres. Não produzimos novos óvulos ao longo da vida e com isso, como fazer para conciliar o desejo/necessidade de ser uma profissional bem sucedida e a vontade de ser mãe?

A solução pode estar na preservação da fertilidade/congelamento dos óvulos.

Esta técnica já está disponível há cerca de 10 anos e consiste na estimulação ovariana com hormônios para produção de vários óvulos maduros, coleta dos mesmos e posterior congelamento em nitrogênio líquido.

Até o momento, não existem evidências que limitem o tempo em que estes óvulos podem permanecer congelados.
Assim, quando a mulher achar que é o momento certo para a gravidez, faz-se o descongelamentos dos óvulos, injeção dos espermatozoides do parceiro nos mesmos para formação dos embriões e a transferência dos embriões para o útero.

Este procedimento também é usado com muito sucesso para aquelas mulheres que apresentam alguma doença maligna e que serão submetidas a tratamentos com agentes quimioterápicos que podem danificar sua fertilidade para sempre.

Se você está adiando sua gravidez ou conhece alguém que tem diagnóstico de doença maligna, procure um especialista para saber mais sobre a preservação da fertilidade. Vale a pena ter essa chance de gravidez no futuro.